Fachin libera sigilo de delação da JBS e gravação com Temer. Ouça

O ministro e relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin liberou o sigilo da delação premiada da JBS nesta quinta-feira (18). O conteúdo da delação de Joesley e Wesley Batista deve ser divulgado ainda nesta quinta.

Fachin encaminhou aos outros ministros do STF suas decisões tomadas no âmbito da delação da JBS em deferência aos colegas.

O Supremo deferiu ainda nesta quinta o pedido da Presidência da República para ter acesso a uma das gravações que integram a delação premiada da JBS. A gravação foi enviada à Presidência.

O áudio tem duração de 39 minutos e mostram conversas entre Joesley Batista e o presidente Michel Temer.

A delação da JBS foi homologada por Fachin e contém gravações, vídeos e documentos feitos pelos delatores e pela Polícia Federal.

Ouça o áudio:

 

 

'