Petrobras abre seleção de estagiários no Estado

Sede da Petrobras

Petrobrás abre oportunidades para estagiários em Vitória, São Mateus e Linhares. Foto: Reprodução. Foto: Leone Iglesias/AT em 27/06/2013

A estatal oferece remuneração total de até R$ 2.196, incluindo a bolsa-auxílio e o vale-alimentação

A Petrobras abre na próxima quinta-feira, dia 25, o seu programa de estágio 2017. Só em Vitória, a iniciativa oferece 39 vagas, sendo seis para nível técnico e 33 para superior. O valor das bolsas é de R$ 563,63 e R$ 1.646,56, podendo chegar a R$ 2.196 com o auxílio-alimentação.

As inscrições poderão ser feitas pela internet — no site www.petrobras.com.br — até 6 de junho. Os candidatos passarão por provas durante o processo seletivo.

Segundo o gerente-executivo de Recursos Humanos da Petrobras, José Luiz Marcusso, o programa é um processo em que tanto os estagiários quanto a empresa ganham.

“Os estagiários oxigenam os ambientes e contribuem bastante para a companhia. É muito interessante ver que eles aprendem conosco também. Todos ganham com esse processo.”

A especialista em RH Juliana da Silva Cardoso disse que o estágio é um importante passo na carreira para desenvolver competências e enriquecer o histórico de trabalho:

“O estágio é o pontapé inicial para entrar no mercado de trabalho. É o momento em que é possível aprender muito em contato com pessoas da área de trabalho e aí o estudante também vê na prática coisas que as faculdades só podem mostrar na teoria. Seja com bolsa ou voluntário, é sempre uma oportunidade para enriquecer o currículo.”

Para a diretora da Center RH, Eliana Machado, uma dos principais benefícios do estágio é poder experimentar a realidade da profissão antes de se decidir por ela.

“O objetivo do estágio é que o estudante possa vivenciar sua futura carreira. Conheço estudantes que iniciaram o estágio e descobriram que aquela profissão não era a que queriam seguir. Então, é importante que o estudante comece a estagiar o quanto antes, para ver sua identificação com a profissão.”

Renzo ressaltou a importância do estágio. Foto: Acervo pessoal

Relato

O estudante de Engenharia Civil da Faculdade UCL Renzo Vetorazzi faz estágio no laboratório de materiais da sua faculdade e explicou como o estágio ajudou na carreira.

“Eu ganhei know-how, conheci pessoas. A partir do momento que eu ingressei no estágio, um mundo se abriu. Estou mais preparado para o trabalho e para mim essa experiência tem sido uma grande oportunidade para ter vantagem no mercado”, ressaltou.

Especialista ensina o caminho para garantir vaga

Conseguir um estágio é um importante passo para o crescimento profissional de qualquer pessoa. Mas, para estar à altura das exigências atuais das empresas, é preciso cumprir uma série de requisitos, como ter disponibilidade e proatividade no exercício das funções.

A assistente de diretoria do Coep Érika Gusmão afirmou que ser objetivo com o currículo é de grande ajuda para conseguir a primeira experiência profissional.

“Para conseguir um estágio é imprescindível que o estudante prepare um bom currículo, simples, claro e verdadeiro. Tem que ser um currículo com duas páginas no máximo, bem organizado, com um bom português e com informações capazes de prender a atenção do recrutador.

Além desses pontos, Erika diz que é importante conhecer a empresa contratante.

“Quando surgir uma oportunidade, é importante pesquisar a empresa, conhecer seu perfil, sua história. Chegar com antecedência na entrevista, e mostrar proatividade também é sempre aconselhado.”

Inscrição

Começa na próxima quinta-feira e prossegue até o dia 6 de junho, no site www.petrobras.com.br.

As vagas

Em Vitória

Para estudantes de Cursos Técnicos

Mineração: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 10 em ampla concorrência e duas para pessoas com deficiência.

Química: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 10 vagas em ampla concorrência e 2 para pessoas com deficiência.

Plataforma de petróleo: 39 chances para ganhar experiência no setor. Foto: Divulgação.

Para estudantes de nível Superior

Administração: três vagas para ampla concorrência e uma para pessoa com deficiência. Para formação de cadastro, 40 vagas.

Engenharia Ambiental: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 12 vagas.

Engenharia de Petróleo: 4 vagas para ampla concorrência e uma para pessoa com deficiência. Para formação de cadastro, 50 vagas.

Engenharia de Produção: duas vagas para ampla concorrência e uma para pessoa com deficiência. Para cadastro, 30 vagas.

Engenharia de Segurança: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 12 vagas.

Engenharia Elétrica: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 12 vagas.

Engenharia Eletrônica: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 12 vagas.

Engenharia Mecânica: 5 vagas ampla concorrência e 1 para pessoa com deficiência. Cadastro, 60 vagas.

Geofísica: uma vaga para ampla concorrência. Cadastro, 12 vagas.

Geologia: duas vagas para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 24 vagas.

Em São Mateus

Para Nível Superior

Engenharia de Petróleo: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 12 vagas.

Engenharia de Produção: duas vagas para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 24 vagas.

Engenharia Mecânica: uma vaga para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 12 vagas.

Engenharia Química: duas vagas para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 2 vagas.

Em Linhares

Para Nível Superior

Engenharia química: duas vagas para ampla concorrência. Para formação de cadastro, 24 vagas.

Reportagem: Artur Sousa/AT

'