Search
terça-feira 22 agosto 2017
  • :
  • :

No Rio, Lula ataca Bolsonaro e diz que fará regulação da imprensa se for eleito

Lula esteve no evento ao lado de Dilma e lideranças do PT. Foto: Divulgação/Facebook

Em evento no Rio de Janeiro, território do deputado federal e pré-candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSC), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) fez duras críticas ao parlamentar carioca e também à imprensa. Lula afirmou que ele e a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) erraram por não ter levado a frnete o projeto de regulação dos meios de comunicação.

As declarações de Lula foram dadas durante evento na FND (Faculdade Nacional de Direito), da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), na noite desta sexta-feira (11).

O líder petista fez críticas ao trabalho da imprensa e também disse que a estratégia de seus opositores acabou por “parir” a candidatura de Jair Bolsonaro, tido por ele como um político de extrema-direita.

“A Dilma errou e eu errei quando não fizemos a regulação dos meios de comunicação. Eles têm que saber que eles vão ter que trabalhar muito para não deixar que eu volte a ser candidato. Se eu for candidato, eu vou ganhar e vou fazer a regulação dos meios de comunicação”, afirmou.

Dilma barrou projetos sobre o tema em seu primeiro mandato. Já no segundo chegou a debater a eventual regulamentação econômica da mídia, com base no fato da Constituição impedir a formação de monopólios ou oligopólios nos meios de comunicação. Na ocasião, críticos disseram que mudanças poderiam resultar em controle da imprensa e restrições à liberdade de expressão. As propostas de modificação na lei não avançaram.

 

Weslei Radavelli, com informações de Agências




  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *