Search
terça-feira 22 agosto 2017
  • :
  • :

Jovem contrai infecção grave após uso de maquiagem: “Achei que era espinha”

Jovem postou a foto na internet e fez o alerta. Foto: Reprodução

Espremer uma espinha parece ser uma atitude inofensiva. Dói um pouco, mas logo passa. Entretanto, para a jovem Kate Wright, espremer a espinha gerou um grande problema: o que ela tinha no rosto era uma celulite infecciosa. Ao “apertar a espinha”, ela teve uma grave infecção, seu rosto começou a inchar e doer.

Em um post no Twitter, Kate relatou o drama. A celulite infecciosa é causada geralmente pela bactéria Streptococcus B, que atingiu os tecidos profundos da pele. Ao chegar para atendimento médico, recebeu imediatamente antibióticos mais fortes. Seu quadro, caso não revertido, poderia ser fatal.

“Foi assustador e horrível, mas poderia ter sido muito pior. Embora eu temesse que meu rosto não curasse, fiquei aliviada por ter minha visão e minha vida poupadas”, lembrou.

Segundo Kate, a bactéria veio pelo lápis de sobrancelha. “Meu rosto ficou quente, inchado e desfigurado muito rapidamente, com uma ferida aberta que continuava ficando maior. Quando cheguei à sala de emergência, os médicos disseram que correu o risco de perder a visão ou a minha vida para esta infecção que estava se espalhando rapidamente”, relatou em seu texto.

Katie ainda diz que seu intuito de compartilhar a história é para que mais e mais pessoas se conscientizem do perigo que é usar utensílios de maquiagem sujos ou sem higiene. “Se você usar maquiagem, por favor, faça um passo na sua rotina de limpeza. É uma coisa pequena a fazer para evitar uma infecção dolorosa e traumática em seu rosto”, recomendou.

Kate Wright antes e depois da celulite infecciosa. Foto: Reprodução

 

da Redação, com informações de agências




  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *