Search
segunda-feira 18 setembro 2017
  • :
  • :

Cruzeiro e Flamengo empatam na volta de Everton Ribeiro ao Mineirão

Cruzeiro x Flamengo 16/07/2017

Foto: Staff Imagens/Flamengo

Cruzeiro e Flamengo empataram por 1 a 1, no Mineirão, em partida disputada na tarde deste domingo (16), pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Everton fez para os visitantes, e Sassá igualou o marcador, fazendo o seu primeiro gol com a camisa celeste.

Com o resultado, o Flamengo perde a chance de assumir a terceira posição. A equipe de Zé Ricardo chega a 24 pontos conquistados e fica em quarto, a 12 pontos do líder Corinthians. O tropeço também impediu o Flamengo de se recuperar na competição. A equipe carioca vinha de derrota em casa para o Grêmio e via na vitória no Mineirão como a oportunidade para corrigir a pontuação e se aproximar da ponta.

O Cruzeiro, por sua vez, caiu para a sétima colocação, com 21, e deixa o grupo de classificação para a Libertadores. O resultado interrompeu a sequência de duas vitórias do time de Mano Menezes – a equipe vinha de triunfos sobre Palmeiras e Atlético-PR.

O jogo marcou a volta do meio-campista Everton Ribeiro ao Mineirão, onde ele se consagrou com o bicampeonato brasileiro pelo Cruzeiro. A expectativa era que ele fosse ovacionado pela torcida do Cruzeiro, mas o que se viu no estádio foi vaia por parte do público mandante. As manifestações não se limitaram ao camisa 7 adversário, mas a todo o time do Flamengo.

O curioso é que o meia-atacante permaneceu tão à vontade quanto no período em que atuou por Minas Gerais. No primeiro tempo, ele aplicou uma caneta desconcertante em Ariel Cabral e fez a torcida do Flamengo ir à loucura. Na saída do gramado, o craque foi vaiado por parte do público que foi ao Gigante da Pampulha.

No ataque do Flamengo, quem brilhou foi o jogador menos badalado. Everton aproveitou cruzamento de Rodinei para marcar de cabeça o gol que abriu o placar, aos 8 minutos do segundo tempo. Foi o oitavo gol dele em 30 partidas na temporada. Esta já é a sua segunda melhor marca desde o retorno à Gávea. Em 2014, ele fez dez gols em 49 compromissos.

Em desvantagem no marcador, o Cruzeiro foi atrás do empate. Para que isso acontecesse, Mano Menezes colocou Sassá na vaga de Élber aos 13 minutos do segundo tempo. Em seu primeiro toque na bola, aos 14 minutos, o centroavante recebeu passe de Diogo Barbosa e bateu de biquinho para estufar a rede de Thiago. Foi o primeiro gol do camisa 99 em seis jogos disputados desde a chegada à Toca da Raposa II.

Reportagem: Folhapress




  • Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *